side-area-logo

CCR ViaSul adia içamento das vigas de novo viaduto para quinta (23)

CCR ViaSul adia içamento das vigas de novo viaduto para quinta (23)

Operação foi alterada devido às condições climáticas

A CCR ViaSul informa que adiou a operação do içamento das vigas do novo viaduto localizado no km 344,4 da BR-386, em Lajeado, em frente à fábrica de balas Florestal, para a próxima quinta (23), às 9h. A mudança se deve às condições climáticas desta terça (21), que não permitem a realização dos trabalhos.

A nova estrutura fará a ligação da via marginal na pista Sul da BR-386 com a Rua Paulo Emílio Thiesen, onde o fluxo local passará por cima da rodovia, segmentando o tráfego urbano e contribuindo para a segurança dos motoristas.

Conforme o planejamento da Concessionária, serão feitos desvios no fluxo principal da rodovia, em cinco oportunidades, com duração média de 20 minutos cada. A ação se deve em razão do içamento de cinco vigas que darão sustentação ao viaduto.

De forma a evitar o bloqueio total do tráfego da rodovia, a Concessionária irá implantar desvios entre os kms 344,3 e 344,8. Motoristas que segue pela pista Sul (do interior para a capital), deverão acessar a via marginal no km 344,3 e seguir até retornarem à BR-386, no km 344,8.

Já quem segue na pista Norte (da capital para o interior), irão acessar o desvio no km 344,8, seguindo pela via marginal até o km 344,3, onde retornarão à rodovia.

A CCR ViaSul informa que suas equipes estarão nas proximidades do trecho orientando os motoristas. Ainda, a sinalização no local será reforçada, porém, é fundamental que os usuários reduzam a velocidade ao aproximarem-se do trecho em obras, respeitando a sinalização.

O CALI 4 Rodas (Centro de Atendimento à Comunidade Lindeira) também estará no local prestando todas as informações para auxiliar quem quiser saber mais sobre as intervenções.

Segundo novo viaduto
A nova estrutura terá 31 metros de extensão e contará com passeio para pedestres. Para a conclusão do viaduto, prevista para o final deste ano, serão necessárias 60 toneladas de ferro e 450m³ de concreto.

Após o içamento das vigas, o cronograma de obras da Concessionária prevê o

lançamento das pré-lajes, concretagem, aplicação de CBUQ e execução das juntas de dilatação. Somente após a conclusão dessas etapas é que começa a ser feita sinalização.

Serão cinco equipes compostas por 70 colaboradores ao longo de todas as fases da obra, que deverá utilizar cerca de 15 maquinários entre perfuratriz, caminhões betoneiras, basculantes e munk, guindastes, entre outros.

Além da duplicação dos 20,3 quilômetros no trecho, a CCR ViaSul irá construir 13 quilômetros de vias marginais, dois retornos em nível, seis adequações de acesso, quatro passarelas de pedestres, seis novas pontes, seis alargamentos de pontes existentes, duas passagens inferiores e duas superiores. Ainda, serão implantados novos dispositivos de segurança, como 50 quilômetros de defensa metálica, nove quilômetros de barreiras e 170 terminais atenuadores de impacto, bem como iluminação das passarelas de pedestres, pontos de ônibus e nas vias marginais.

Até 2030, a CCR ViaSul irá duplicar mais de 165 quilômetros da BR-386 entre Carazinho e Lajeado, beneficiando 22 municípios ao longo do trecho de concessão. Ao todo, na BR-386 no trecho entre Canoas e Carazinho, serão duplicados 225,2 quilômetros da rodovia, com 10,2 quilômetros de construção de faixas adicionais e 75,5 quilômetros de novas vias marginais. Ainda, serão construídos 52 novos acessos, 28 novas interconexões, 27 retornos em nível, 18 novas passarelas, quatro passagens inferiores e 58,3 quilômetros de nova iluminação.

Todo esse investimento faz parte do programa de Concessão Federal no Rio Grande do Sul, tendo como órgão regulador a Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT).

Assessoria de Imprensa
51 9 8053.8132


Sobre a CCR ViaSul:
 A CCR ViaSul é responsável pela administração, conservação, ampliação e operação de 473,4 quilômetros de rodovias no Rio Grande do Sul, conectando pontos de maior relevância econômica no Estado. A concessão passa por 36 municípios, distribuídos em quatro trechos: BR 290 (Freeway) – 98,1 kms entre Osório e Porto Alegre; BR 101 – 87,9 kms entre Osório e Torres; BR 386 – 265,8 kms entre Canoas e Carazinho e BR 448 – 21,6 kms entre Porto Alegre e Sapucaia do Sul. A concessionária responde, ainda, pela operação do vão móvel da ponte do Guaíba.

Paulo Menzel

×