side-area-logo

Infra S.A. desenvolve metodologia para avaliação de impactos de obras de infraestrutura

Infra S.A. desenvolve metodologia para avaliação de impactos de obras de infraestrutura

Planejamento elaborado pela empresa é baseado no direcionamento de ações que gerem maiores ganhos para a sociedade

Como forma de basear a tomada de decisões referente aos projetos de infraestrutura de transportes, foi apresentado, nesta quarta-feira (23), o Manual de Priorização de Ações e Avaliação Socioeconômica para Apoio ao Planejamento de Sistemas e Infraestruturas de Transportes, por meio de seminário on-line. O documento elaborado pela equipe da Infra S.A., empresa fruto da incorporação da EPL pela Valec, subsidia os três níveis de planejamento de transportes: estratégico, tático e operacional.

Durante a abertura do webinário, que contou com a participação de técnicos da pasta e de outras áreas de interesse no Governo Federal, o ministro da Infraestrutura substituto, Bruno Eustáquio, destacou que a ferramenta apresentada demonstra o compromisso da pasta com o direcionamento amparado em evidências. “O planejamento de longo prazo precisa de boas ferramentas que suportem as decisões. O manual sinaliza a racionalidade do processo que é levado em consideração para a tomada de decisão na formação de uma carteira de projetos”, disse.

O documento é embasado em práticas e referências internacionais, bem como nas experiências adquiridas pela Infra S.A. e pelo Ministério da Infraestrutura na aplicação dos diferentes métodos durante a elaboração dos planos de transporte, nos estudos e na estruturação de projetos de infraestruturas de transporte ao longo dos últimos anos.

Também presente no evento, o diretor de Planejamento da Infra S.A., Alessandro Reichert, ressaltou que o manual está alinhado à vocação da Infra S.A., já que uma das principais atividades da empresa é fornecer as melhores condições para o desenvolvimento da rede de transportes.

Infra S.A.
Fusão inédita na administração pública, a Infra S.A. teve suas atividades iniciadas em outubro, com o objetivo de dar celeridade a obras de engenharia ferroviária, prestar serviços de planejamento e estruturar projetos de inovação no setor de transportes. Entre as principais prioridades da empresa está a estruturação da modelagem de projetos de desestatização.

Assessoria Especial de Comunicação
Ministério da Infraestrutura

Paulo Menzel

×