side-area-logo

ANEEL debate Peer Review da OCDE e tarifas em reunião com analistas de investimentos

ANEEL debate Peer Review da OCDE e tarifas em reunião com analistas de investimentos

A diretoria da ANEEL realizou nesta quinta-feira (13/5) encontro com analistas de investimentos do setor elétrico, durante o qual foram tratados os principais temas recentes referentes à atuação da Agência, como o processo de Peer Review com a OCDE e as ações para atenuar reajustes nas tarifas dos consumidores de energia elétrica.

Participaram do encontro o diretor-geral da ANEEL, André Pepitone, a diretora Elisa Bastos e o diretor Efrain Cruz, além de técnicos e superintendentes da Agência. A reunião contou com a presença de dezenas de analistas que acompanham o setor elétrico.

Pepitone destacou que a agência está empenhada, desde 2018, em ações que busquem amortecer os reajustes de tarifas de energia e que, com a pandemia, essa prioridade se mostrou ainda mais relevante, devido à perda de renda de parte da população.

“Juntamente com o governo federal, buscamos medidas para atenuar esses reajustes. Os resultados são expressivos. Atuando sempre com transparência, diálogo e respeitando contratos, tomamos ações em todas as áreas do setor elétrico – geração, transmissão e distribuição. Com isso, a Agência conseguiu amenizar  o valor total a ser acrescido nas contas de luz em 2021”, disse Pepitone.

“Temos conseguido sucessos nessa empreitada de conter as tarifas para os consumidores “, comentou, destacando também essas ações, Efrain Cruz.

A diretora Elisa Bastos, que coordena o processo de Peer Review junto à OCDE, lembrou que a organização internacional concluiu que a ANEEL está muito próxima de se tornar um regulador de referência mundial.

“A conclusão veio, em boa parte, por conta da transparência dos processos e da boa técnica da ANEEL. Esse reconhecimento é muito relevante para o Brasil. A regulação confiável proporciona ambiente adequado para os investimentos”, disse a diretora.

Paulo Menzel

×