side-area-logo

Espetáculo “Caixola” chega a Três Cachoeiras contando histórias e lendas locais

Espetáculo “Caixola” chega a Três Cachoeiras contando histórias e lendas locais

Apresentação acontecerá na próxima quinta (22), às 16h, com transmissão gratuita pelo Youtube

Dando continuidade às apresentações no Rio Grande do Sul, o Grupo Teatro a Bordo leva ao município de Três Cachoeiras o espetáculo “Caixola”, em formato virtual. A atividade virtual no dia 22/07 (quinta-feira), às 16h, através da plataforma Zoom, com transmissão ao vivo no YouTube e na página do Facebook da Companhia. Para se apresentar do Sarau e ter direito ao certificado basta fazer o cadastro no link: https://forms.gle/8T9oh4p3rBY7Fs3x7.

Nesta atividade, os participantes contarão causos e curiosidades sobre as histórias e lendas da cidade no intuito do grupo recolher e recriar o que ouviu, registrando tudo em um livro que será lançado ainda este ano. Participarão do encontro a escritora e professora Gleice Santos, autora dos livros ‘Quando a Mágica Acontece’ e ‘O Fazedor de Buracos’ e o caricaturista e ilustrador Mauro Freitas, que exibirá um vídeo de seu processo de criação. A atividade é gratuita e aberta ao público.

“Nosso público é formado, em especial, por professores e artistas locais, mas o nosso chamamento é público, plural e aberto à sociedade. Nosso projeto é um poderoso evento para conectar pessoas, sentimentos, registros pessoais e outras histórias, que ao final ganharão permanência”, explica Talita Berthi, coordenadora geral do projeto.

A permanência citada por Talita vai se materializar no livro especial que cada uma das 26 cidades do circuito receberá até o final do ano. “Vamos preparar uma edição especial de 100 exemplares para presentear escolas, bibliotecas e centros culturais dos munícipios pelos quais passaremos”, completa.

A agenda completa pode ser conferida no site oficial: caixoladehistorias.com.br

O Caixola de Histórias para Ler e Ouvir é apresentado pelo Ministério do Turismo e Instituto CCR, por meio da Lei Federal de Incentivo à Cultura, em trechos de atuação das concessionárias do Grupo CCR: CCR ViaOeste, CCR ViaLagos, CCR ViaSul, CCR SPVias, CCR AutoBAn, ViaRio e CCR NovaDutra.

Neste ano, a ação acontece a partir de um Encontro de Contação de Histórias que será realizado em 26 cidades brasileiras. A ação é apresentada pelo Ministério do Turismo e pelo Instituto CCR, gestor social do Grupo CCR, por meio da Lei Federal de Incentivo à Cultura. No trecho da concessionária CCR ViaSul no Rio Grande do Sul, as cidades de Três Forquilhas, Três Cachoeiras e Terra de Areia recebem o projeto durante o mês de julho.

EXPERIÊNCIA | HISTÓRIAS PARA OUVIR, LER E VIVER 

No ano de 2020, o Grupo Teatro a Bordo fez uma itinerância virtual com uma proposta bem semelhante, realizando Oficinas e criando Histórias para Ouvir de cada município atendido. Neste processo, os artistas e técnicos do grupo adquiriram experiência e técnicas de pesquisa, roteirização, gravação e edição de áudios, além de criação de ilustrações e edição de vídeos para disponibilização no YouTube.

O INSTITUTO CCR

Entidade privada sem fins lucrativos que gerencia o investimento social do Grupo CCR, proporcionando transformação com apoio a projetos via leis de incentivo, campanhas institucionais e por meio dos programas proprietários: o Caminhos para a Cidadania – atendendo mais de 1,3 mil escolas, e o Estrada para a Saúde – presente em seis regiões. O foco do Instituto CCR é em inclusão social por meio de iniciativas de geração de renda, saúde, educação, cultura e esporte. Desde a sua criação em 2014, já foram gerenciados R$ 163 milhões, e, somente em 2020, cerca de 2,5 milhões de pessoas foram impactadas em comunidades de 115 cidades, situadas em trechos de atuação das concessionárias da companhia. Saiba mais em: www.institutoccr.com.br.

Crédito: Acervo | Grupo Teatro a Bordo | Instituto CCR(imagens disponíveis em alta resolução).

Assessoria de Imprensa

51 9 8053.8132
Sobre a CCR ViaSul:
A CCR ViaSul é responsável pela administração, conservação, ampliação e operação de 473,4 quilômetros de rodovias no Rio Grande do Sul, conectando pontos de maior relevância econômica no Estado. A concessão passa por 36 municípios, distribuídos em quatro trechos: BR 290 (Freeway) – 98,1 kms entre Osório e Porto Alegre; BR 101 – 87,9 kms entre Osório e Torres; BR 386 – 265,8 kms entre Canoas e Carazinho e BR 448 – 21,6 kms entre Porto Alegre e Sapucaia do Sul. A concessionária responde, ainda, pela operação do vão móvel da ponte do Guaíba.

Paulo Menzel

×