side-area-logo

Conselho do PPI aprova desestatização das Companhias Docas do Rio de Janeiro e do Pará

Conselho do PPI aprova desestatização das Companhias Docas do Rio de Janeiro e do Pará

Com aprovação, projetos farão parte dos programas de Parcerias de Investimentos (PPI) e Nacional de Desestatização (PND)

Durante sua 23ª reunião de qualificação, o Conselho do Programa de Parcerias de Investimento (PPI) aprovou, nesta terça-feira (20), os projetos de desestatizações das companhias docas do Rio de Janeiro (CDRJ) e do Pará (CDP). Com a aprovação, os projetos serão submetidos à deliberação da Presidência da República para qualificação no PPI e inclusão no Programa Nacional de Desestatização (PND).

Simultânea à desestatização da CDRJ, serão concedidos à iniciativa privada os portos organizados do Rio de Janeiro, de Itaguaí, de Niterói e de Angra dos Reis. Estudos serão realizados para definir os valores estimados de investimentos, o prazo de contrato e o cronograma do leilão, entre outros.

Já a desestatização da Docas do Pará inclui a concessão, simultânea, dos portos organizados de Belém, Vila do Conde e de Santarém, cujos estudos também indicarão as condições de contrato e cronograma do leilão.

Assessoria Especial de Comunicação
Ministério da Infraestrutura

Paulo Menzel

×